segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

A história da Mary Kay

A Empresa

Tudo Começou com o Sonho de uma Mulher





A Empresa 

Mary Kay é uma empresa americana de venda direta de cosméticos, fundada em 1963 em Dallas, Texas (EUA), por Mary Kay Ash. Atualmente, a empresa está presente em mais de 35 países, sendo considerada uma das maiores empresas de cosméticos do mundo. No Brasil, a empresa chegou em 1998 e atualmente figura entre os grandes players do setor.

A Missão
Enriquecer a Vida das Mulheres

"Nosso objetivo sempre foi ajudar as mulheres a
realçarem sua beleza de dentro para fora."
Mary Kay Ash
Seja através da conquista da independência financeira e realização profissional com qualidade de vida, até a Sessão de Beleza onde o objetivo das Consultoras deve ser proporcionar um momento especial e divertido para todas as mulheres, realçando sua beleza e auto estima.

As Filosofias

Mary Kay Ash fundou uma das maiores empresas de cosméticos de vendas diretas do mundo sempre baseada nos valores em que acreditava: Regra de Ouro - Tratar as pessoas como você gostaria de ser tratada; Espírito de Ajuda - Colaborar com as pessoas sem esperar nada em troca; e Prioridades  Balanceadas - fé, família e carreira. Ela sempre afirmava: “Quando as prioridades da sua vida encontram-se balanceadas, todo o resto vai bem”. 
Quando viva, Mary Kay Ash sempre mostrou como simples ações de motivação e reconhecimento das realizações das pessoas – não importando quão pequenas fossem elas - são fundamentais para um líder desenvolver sua equipe e trazer ainda mais resultados positivos.
Ela sempre ensinava tanto os colaboradores da empresa, quanto suas Consultoras de Beleza Independentes a agirem como se cada pessoa que encontrassem tivesse uma placa no pescoço dizendo: “Faça-me sentir importante”. 


Poucas empresas podem dizer que possuem filosofias tão simples e consistentes, ou apontar o impacto tão forte de uma fundadora como Mary Kay Ash. Até hoje, a empresa permanece fiel àqueles princípios que ela listou a mesa de sua cozinha.

A História


A história dessa companhia não teve início antes de Mary Kay Ash enfrentar uma situação muito familiar para muitas mulheres. Depois de 25 anos trabalhando no mercado de vendas diretas, Mary Kay Ash renunciou sua posição como diretora de treinamento nacional, quando um homem a quem ela havia treinado foi promovido a uma posição com o dobro do seu salário. Sua resposta foi visionária. Primeiro, começou a escrever um livro que ajudaria mulheres a conquistarem oportunidades que haviam sido negadas a ela. Mas logo ela percebeu que estava criando um plano que poderia fazer muito mais do que dar conselhos. Esse livro constituiu a base de uma nova oportunidade, na qual mulheres poderiam desenvolver seus talentos e alcançar sucesso ilimitado.
Com toda a experiência adquirida, seu plano de negócios montado e uma economia de US$ 5 mil, ela pediu ajuda a seu filho Richard, que na época era apenas um jovem de 20 anos, e a nove Consultoras de Beleza, e criou a BEAUTY by MARY KAY. O lançamento da nova empresa quase não ocorreu. O marido dela faleceu repentinamente um mês antes da inauguração. Entretanto, com sua força de vontade e apoio de seus três filhos, Mary Kay abriu formalmente sua empresa em 13 de setembro localizada em um pequeno escritório de apenas 46m² na cidade de Dallas no Texas. Com móveis usados, cortinas feitas em casa e apenas uma prateleira comprada na loja de departamento Sears, não apenas inaugurou um novo negócio, mas também abriu novas oportunidades para outras mulheres. A empresa começou vendendo produtos de qualidade, como maquiagens e para o cuidado da pele, que além de realçar a imagem da mulher proporcionavam uma incomparável oportunidade de negócios para ajudar estas mulheres, muitas delas sem educação formal, a alcançarem o sucesso financeiro e satisfação pessoal. Era uma empresa, como a própria Mary Kay Ash dizia, “com coração”.

O primeiro produto anunciado era um kit básico para tratamento da pele contendo quatro produtos de cuidado para a pele e uma base. Os primeiros produtos de maquiagem incluíam uma paleta rosa com cinco tons para os lábios e olhos, blush, máscara para cílios e lápis para olhos e sobrancelhas. Em seu primeiro ano as vendas alcançaram US$ 198 mil. Em 1964 a cor rosa se tornaria um ícone dos produtos da marca MARY KAY. Isto porque, nesta época a maioria dos banheiros das casas americanas era branca, e para oferecer produtos que a mulheres pudessem guardar em seus banheiros foi escolhida a cor rosa para as embalagens.
Ainda neste ano, a empresa iniciou uma tradição: os famosos seminários. O primeiro começou mais como uma festa familiar do que um grande evento de gala que é nos dias de hoje. Mary cozinhou frango para mais de 200 revendedoras da empresa que comemoraram com muita alegria o primeiro aniversário da empresa. Hoje em dia essas celebrações são produções espetaculares realizadas em mais de 30 países, onde mais de 100 mil integrantes da força de vendas independente participam anualmente do evento para receber treinamento, motivação e reconhecimento por parte da empresa.
No ano seguinte, como uma boa imagem poderia inspirar confiança, sucesso e orgulho, a empresa lançou o programa de trajes profissionais. O primeiro tailleur, um conjunto preto de lã de duas peças com chapéu ao estilo caubói texano, utilizado pelas Diretoras de Vendas Independente, promoveu um início fashion ao programa. Desde então a empresa apresentou mais de 74 modelos de trajes que foram reflexos de sua época. Em 1966 teve início o grande Programa de Premiações: reconhecimentos luxuosos que toda mulher gostaria de ter, mas nunca compraria para si. O primeiro desses infindáveis prêmios foi a Taça Dourada. Depois vieram jóias como braceletes de diamantes, viagens para lugares paradisíacos como Havaí, Sydney, Paris e Ilhas Mauricio,e...

Imagine uma empresa em que você pode desenvolver um plano de carreira em vendas independentes e na qual possa atingir níveis de ganhos iguais ou maiores ao de uma executiva contratada de uma multinacional? Imagine se, ao atingir essa conquista, você for reconhecida com um carro de uma cor que só essa empresa desenvolve, para comemorar sua conquista? A famosa “Dama do Cadillac cor-de-rosa”, como ficou conhecida Mary Kay, percebeu exatamente o que a mulher numa faixa etária acima de 40 anos precisava e procurava. Em 1969 criou um sistema de recompensas com foco nas necessidades das mulheres e também um sistema único de premiação: um Cadillac cor-de-rosa (que se tornaria o tom oficial da empresa no mundo inteiro) para as melhores Consultoras da Força de Vendas. No primeiro ano cinco diretoras foram premiadas.
O programa “Troféu sobre Rodas” foi posteriormente expandido para reconhecer as dez melhores Diretoras de Vendas Independentes. Em 1974, os requisitos necessários foram alterados para permitir que o prestigiado “Pink Cadillac” pudesse ser conquistado por mais diretoras com base em uma produção de vendas das unidades (equipes). Até hoje, mais de 100 mil membros da força de vendas independente de todo o mundo já dirigiram os cobiçados automóveis cor-de-rosa. Atualmente, somente nos Estados Unidos, são 1.500 privilegiadas. No Reino Unido, Alemanha, Holanda, Espanha e Ucrânia o automóvel cor-de-rosa é Mercedes-Benz. Na argentina é um Ford. Na China é Volkswagen. No Brasil é Captiva ou Cruze. Enquanto em Taiwan é um Corolla. Hoje, a MARY KAY COSMETICS é a principal cliente individual da GM que, em cada um dos mercados em que atua, desenvolve um modelo de carro cor-de-rosa.


No início da década seguinte, em 1971, a empresa inaugurou sua primeira subsidiária internacional na Austrália. Era apenas o início de um enorme processo bem-sucedido de internacionalização da marca, que ingressaria no mercado canadense em 1978. 
Em 1979, uma das nove primeiras Consultoras de Beleza IndependenteShirley Hutton, ultrapassa a marca de $ 1 milhão de dólares em bonificações pela primeira vez na história da companhia.

Em 1983, Mary Kay Inc. é destaque na primeira edição da Revista Fortune como uma das "100 Melhores Empresas para se Trabalhar nos Estados Unidos". 
Em 1992 é apontada como uma das 500 empresas da Revista Fortune e em 1993 é novamente considerada pela Revista Fortune "Uma das 100 Melhores Empresas para se Trabalhar nos Estados Unidos".
Em 1995, a Revista Fortune destaca a Mary Kay Inc. como uma das empresas mais admiradas nos Estados Unidos. 
Em 1996, a Mary Kay Inc. é uma das 20 empresas destacadas no livro intitulado "Forbes Greatest Business Stories of All Time" (Maiores Histórias de Negócios de Todos os Tempos da Forbes), e Mary Kay Ash é a única mulher retratada no livro.
Em 1998 a Mary Kay Inc. mais uma vez entra para a lista das "100 Melhores Empresas para se Trabalhar nos Estados Unidos" publicado pela Revista Fortune.

 No final desta década, em 1989, se tornou uma das primeira empresas a implantar um programa corporativo de reciclagem de embalagens, e em seguida proibir testes em animais. Essas ações foram acolhidas com simpatia pelos consumidores em uma época que a responsabilidade social das empresas era pouco divulgada e implantada.

Na década de 90 a empresa experimentou uma verdadeira explosão global ingressando em mais de 20 novos mercados como Nova Zelândia, Espanha, Suécia, Chile, Malásia, Noruega, Rússia, Japão e China. No Brasil, a empresa chegou exatamente no mês julho de 1998.
Em 1999, Mary Kay Ash é reconhecida como a Mulher do Século no Texas.

Pouco depois, em 2000, a Lifetime Television considera Mary Kay Ash, a mulher de negócios mais marcante do século XX e com o aumento da demanda por produtos que proporcionassem uma pele com aparência mais jovem, a empresa lançou o creme de limpeza 3 em 1 TimeWise, que se tornou o produto de maior sucesso da história da marca. 

Em 2001 a Mary Kay Inc. é premiada pela Associação de Venda Direta com o "Prêmio de Inovação Industrial" pela Página Pessoal de cada Consultora de Beleza Independente dentro do site www.marykay.com.
Richard Rogers, filho da Mary Kay e co-fundador da Mary Kay, assume a função de CEO e em 22 de Novembro de 2001, falece Mary Kay Ash, no Dia de Ação de Graças, seu feriado favorito.
Em 2002 a Mary Kay Inc. é premiada pela Associação de Venda Direta com o "Prêmio Visão Futurista" por sua sensibilização pela comunidade no que diz respeito à prevenção da violência contra as mulheres.
A Mary Kay Inc. é premiada com o Prêmio Corporativo Humanitário do Ano de 2002, pela Comissão Contra a Agressão a Mulheres de Los Angeles, pelos seus esforços para ajudar a eliminar a violência contra as mulheres, jovens e crianças.

E Mary Kay Ash é nomeada no Dallas Business Hall of Fame Laureate 2002 e entra para a Academia de Sucessos dos Executivos de Marketing & Vendas.

Em 2003 a Mary Kay Inc. celebra o seu 40º aniversário, e a Força de Vendas Independente da Mary Kay alcança 1 milhão de Consultoras em todo o mundo.
Mary Kay Ash é considerada a Melhor Empresária da História dos Estados Unidos numa Academia de estudos liderada pela Universidade Baylor.
Em 2004, Mary Kay Ash é nomeada como uma das "25 Pessoas de Negócios Mais Influentes dos Últimos 25 Anos" pela PBS em conjunto com a Escola de Negócios Wharton.
Mary Kay Ash recebe o Prêmio da Rosa Humanitária pelo Palácio Kensington em Londres, Inglaterra, pelo trabalho realizado através da Fundação Mary KaySM.
Em 2005, A Mary Kay Inc. alcança os $ 2 bilhões de dólares em vendas globais e o canal de Televisão A&E transmite o documentário "Mary Kay" no Biography Channel. 
Em 2007, os produtos Mary Kay® são vendidos em mais de 35 mercados em todo o mundo.
Em 2008, a Mary Kay Inc. celebra o seu 45º aniversário e lança a sua campanha de responsabilidade social global Pink Changing Lives®, com o único propósito de mudar a vida das mulheres e crianças em todo o mundo.
A Mary Kay lança o Beleza que faz a Diferença, o primeiro programa global de marketing para causas sociais da companhia, para apoiar mulheres e crianças.
O The Dallas Business Journal nomeia a Mary Kay para a sua lista dos principais filantropos corporativos locais. A Mary Kay continua presente nesta lista a cada ano que passa.
Quando Mary Kay morreu no feriado do Dia de Ação de Graças (Thanksgiving Day) em 2001, a empresa era um gigante do setor de cosméticos, contando com mais de 800.000 consultoras de vendas em mais de 30 países. Em 2007, a chamada empresa cor-de-rosa, resolveu agradar aos homens e lançou uma linha masculina de tratamento, chamada MK MEN, composta por sabonete facial, espuma para barbear, gel refrescante pós-barba e loção hidratante com filtro solar 25.

Em 2009, atingiu $ 2,5 bilhões de dólares em vendas globais e a Força de Vendas Independente alcançou 2 milhões de Consultoras em todo o mundo. Nos últimos anos a empresa continuou sua expansão global ingressando em novos mercados como Índia (2007), Cingapura (2009) e Armênia (2010).


Em 2011, por meio do programa Beleza que faz a Diferença de 2008, 2009 e 2010, a Mary Kay contribuiu com a doação de quase $ 4 milhões de dólares para causas que apoiam mulheres e crianças em todo o mundo e lança o Mês Global do Voluntariado doando aproximadamente 500.000 horas de voluntariado em todo o mundo.

Em 2012, a Mary Kay Inc. é premiada pela Associação de Venda Direta com o "Prêmio de Inovação Tecnológica" pelo aplicativo para smartphones Maquiagem Virtual.